Delegações das fundações de apoio do NE se reúnem na Fade-UFPE para discutir crise orçamentária da CT&I

Nesta quinta-feira, dia 05 de dezembro, delegações das fundações de apoio do Nordeste se reuniram no auditório da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da Universidade Federal de Pernambuco (Fade-UFPE) para discutir a crise orçamentária da educação, ciência e tecnologia, realizar balanço de 2019 e traçar expectativas para 2020, dentre outros pontos. O encontro contou com a participação de mais de 20 dirigentes e representantes de 13 fundações do Nordeste, incluindo o presidente do CONFIES, Fernando Peregrino.

Momento de feedback sobre o II Congresso do CONFIES. Foto: Ascom Fade-UFPE

Na ocasião, os dirigentes realizaram feedback sobre o II Congresso do CONFIES, ocorrido em novembro deste ano. Além disso, debateram sobre o desmonte da ciência brasileira, o programa Future-se e as dificuldades enfrentadas pelas universidades públicas, apontando essas questões como principais desafios de 2019. 

Fernando Peregrino, presidente do CONFIES, conduziu os debates durante o Encontro dos Dirigentes das Fundações de Apoio do NE. Foto: Ascom da Fade-UFPE

“Nós vivenciamos um ano muito crítico, difícil para toda a sociedade. […] Alterações nas políticas públicas do Governo Federal tiveram grandes reflexos negativos no orçamento público de ciência e tecnologia. As nossas entidades de fomento, CNPq, Finep e CAPES, sofreram bastante com isso. As fundações são atingidas, afinal de contas promovem o desenvolvimento da pesquisa. Mesmo nesse ambiente, o CONFIES conseguiu fazer um papel de representação muito importante. Em janeiro ocorreu a sanção da Lei dos Fundos Patrimoniais. Fizemos ainda um belo Congresso [do CONFIES, em novembro], expressivo não somente em quantidade, com cerca de 320 participantes de 80 fundações de apoio, mas também em termos de riqueza dos debates que ocorreram”, afirma Fernando Peregrino, presidente do CONFIES.

Ao todo, foram 23 participantes de 13 fundações nordestinas diferentes. Foto: Ascom Fade-UFPE

Para 2020, a expectativa é buscar soluções para tais problemas, que ainda persistem e inclusive podem vir a piorar. O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Marcos Pontes, declarou que existe um “buraco” no orçamento de 2020 para a verba de fomento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que também pode ser fundido com a CAPES. Ainda, o FNDCT, principal fundo de fomento à atividade de pesquisa das universidades, corre risco de extinção. Sobre isso, Maurício Assuero, secretário executivo da Fade-UFPE, afirma que “a perspectiva para 2020 é que, com a possibilidade de uma certa tranquilidade econômica, possamos ampliar o leque de oportunidades e de realização de novos projetos. Querendo ou não, a pesquisa é fundamental para o desenvolvimento de qualquer país.”

Fundações do Nordeste

A Fade-UFPE foi representada pelo seu secretário executivo, Maurício Assuero, pelo coordenador executivo, Paulo Guedes, pela assessora de planejamento, Rosali Albuquerque, e pela coordenadora de comunicação corporativa, Tanúzia Vieira. Estiveram presentes as fundações FADEX, vinculada à Universidade Federal do Piauí (UFPI) e Instituto Federal do Piauí (IFPI); FADURPE, vinculada à Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e à FUNDAJ (Fundação Joaquim Nabuco); FAPEX, vinculada à Universidade Federal da Bahia (UFBA), Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), Instituto Federal da Bahia (IFBA) e Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB).

Também participam a FASTEF, da Universidade Federal do Cariri (UFCA)/UNILAB/IFCE. A fundação FCPC, da Universidade Federal do Ceará (UFC)/IFCE/UNILAB. A fundação FUNCERN, vinculada ao Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN). A CETREDE, da UFCE. A fundação FUNETEC, do IFPB.  A fundação FSADU, da UFMA, também a fundação FJMONTELLO, da UFMA e IFMA; e a FUNDEPES, da UFAL e IFAL; e a fundação FUNCERN.

Homenagem

Homenagem da FUNCERN à Fade-UFPE. Foto: Ascom Fade-UFPE

O Encontro das Delegações das Fundações de Apoio do NE ainda trouxe surpresas para a Fade-UFPE. A Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do RN (FUNCERN) realizou uma homenagem simbolizada pela entrega de dois livros comemorativos dos 20 anos da instituição, destinados ao secretário executivo, Maurício Assuero, e ao coordenador executivo, Paulo Guedes, da Fade. 

A entrega do livro foi feita pelo Prof. Jairo Santos, superintendente da FUNCERN, pelo assessor jurídico, Dr. Kleiton Protásio, pelo coordenador de comunicação, Teotônio Roque, e pelo professor Bruno Gomes, também da assessoria de comunicação da fundação do Rio Grande do Norte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comunicado

Aos profissionais que trabalharam no concurso da UFPE e que estão com toda a documentação correta, informamos as datas para que o processamento do pagamento seja efetivado, de acordo com o dia trabalhado:

01/12 – Pagamento será efetivado até o próximo dia 27 de dezembro de 2019;
07/12 a 15/12 – Pagamento será efetivado entre 07 e 17 de janeiro de 2020.

Agradecemos a compreensão de todos e desejamos um Feliz Natal e Próspero Ano Novo!