Para prospecção de projeto sustentável, Fade, Sebrae e docentes da UFPE visitam Poliinova, indústria de borracha, localizada em São Lourenço da Mata

Visando conectar as diversas áreas da sociedade em prol do desenvolvimento e da inovação, a Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da UFPE, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e representantes do corpo docente da UFPE visitaram nesta quarta-feira, 29, a Poliinova Tecnologia em Borrachas, localizada no município pernambucano de São Lourenço da Mata. O objetivo do encontro girou em torno do propósito de juntos (indústria e universidade) encontrarem soluções para a reutilização de resíduos sólidos produzidos na Poliinova, a fim de dar destino adequado, de maneira sustentável e limpa, evitando maiores danos ao meio ambiente.

 
Para o Assessor de Inovação e Captação de Projetos da Fade-UFPE, Arlindo Teixeira: “Através de visitas como essa, a Fade vem cumprir seu papel articulador, visando atender uma esfera importante das demandas das empresas e principalmente da sociedade. Podemos colaborar com a inovação no processo de produção da borracha da empresa Poliinova, por meio das expertises desenvolvidas na UFPE. Assim, unindo esforços, contribuímos juntos para o desenvolvimento da inovação no estado de Pernambuco.” 

A pesquisadora e Agente Local de Inovação do Sebrae, Bruna de Oliveira falou sobre a importante conexão entre a Poliinova, a UFPE, o Sebrae e a Fade: “A Poliinova estava com essa preocupação sobre reutilizar resíduos, então junto da expertise da Fade e do conhecimento da UFPE, poderemos suprir essa demanda e também outras necessidades deles. Os resíduos podem, por exemplo, retornar como lucratividade para a empresa. E o melhor: de maneira sustentável.”

Rodrigo Vilela, Diretor de Operações da Poliinova, conta sobre a iniciativa de reaproveitar os resíduos sólidos da empresa: “A gente tem o intuito de dar uma melhor destinação aos nossos resíduos, então estamos com o pensamento de voltar esse resíduo para o nosso próprio processo e utilizá-lo na pavimentação de asfalto e outras possibilidades, pensando em um mundo melhor e também na sustentabilidade.”

A Professora do Departamento de Engenharia Civil da Universidade Federal de Pernambuco,  Shirley de Oliveira, explicou a importância da articulação entre a  Universidade e a empresa: Numa conexão assim ganha tanto a Universidade como a empresa. A academia vem se preocupando muito, hoje em dia, em desenvolver pesquisas que venham a contribuir para melhoria do meio ambiente, e é muito importante também ter empresas que se preocupam com isso. É um elo maravilhoso na minha visão, uma maneira de gerar também oportunidades para os alunos se engajarem mais em pesquisas científicas e de forma prática.” 

“A Fade tem esse papel importante que é justamente essa interação da universidade e da empresa a fim de cooperar com o desenvolvimento econômico e sustentável do país. Estou conhecendo hoje a Poliinova e acredito que ela é uma empresa que tem tudo para se destacar e desenvolver ainda mais em Pernambuco na questão da industrialização”, destacou a Professora  do Departamento de Engenharia da UFPE, Eliane Medeiros.

Para os próximos passos na possível parceria entre universidade e indústria estão a produção do plano de trabalho e a posterior aprovação do convêncio entre as envolvidas.

Entre os presentes, representando a Fade-UFPE estavam, Danielle Anízia, Gerente de Projetos, Arlindo Teixeira, Assessor de Inovação e Captação de Projetos, David Pessoa, Supervisor de Projetos e Giovanna Duarte, Assessora de Comunicação. A Universidade Federal de Pernambuco foi representada por Eliane Medeiros, Professora  do Departamento de Engenharia Química e Shirley de Oliveira, Professora do Departamento de Engenharia Civil. Representando a Poliinova, estiveram presentes os Diretores de Operações da Poliinova, Rodrigo Vilela e Sérgio José Miralis. O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) foi representado pela pesquisadora e Agente Local de Inovação, Bruna de Oliveira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.