A Fade-UFPE promoveu, nos dias 21 e 22 de setembro, um treinamento personalizado sobre o eSocial. O objetivo do curso foi o de proporcionar conhecimento, atualização e aprofundamento em relação aos desafios trazidos pela implantação eSocial sob a ótica das especificidades das fundações de apoio.

Alberto Borges ministrando ao longo do curso.

O ministrante do treinamento foi Alberto Borges, da Lumi Consultoria – empresa especializada na implantação do sistema eSocial. Ao todo, 22 colaboradores de fundações de apoio de todo o país participaram.

De acordo com a pesquisa qualitativa aplicada ao final do treinamento, de um modo geral, o curso foi satisfatório e atendeu bem às expectativas. Foram elogiados principalmente o conteúdo do curso e a organização do evento. De acordo com Rildete Silva, representante da FADURPE, a palestra foi muito esclarecedora apesar dos desafios que cercam a implantação do eSocial: “A teoria nos deixa apreensivos. Acredito que só na prática muitas informações serão resolvidas. Os instrutores foram ótimos, de um bom conhecimento”, afirmou.

Para Suzan Siqueira, colaboradora do setor Administrativo da Fade-UFPE, “esta oportunidade esclareceu que o e-social não é apenas uma mudança na disponibilização das informações sobre o ponto de vista do RH, mas sim da empresa como um todo, e consequentemente com as demais áreas que recebem e geram informações a partir de suas atividades. A conectividade (interna e externa) e a segurança das informações de fato é um fator importantíssimo para garantia das instituições/empresas, principalmente das que fazem parte do terceiro setor”. O saldo positivo do treinamento é um reflexo claro do comprometimento e responsabilidade não só da Fade-UFPE como também das fundações de apoio participantes em relação ao futuro.

Colaboradores de diversas fundações de apoio participaram do treinamento.